Blog

Bastidores da Trama 06.03.2017

Por que investir em conteúdo audiovisual?

Se sua empresa ou organização ainda está na época do newsletter digital, é hora de rever conceitos!

Se você ainda apoia suas estratégias de comunicação interna, única e exclusivamente, em canais off-line, como Murais, Jornais e Revistas Impressas, sinto em lhe dizer mas você pode parecer um jurássico.

Não é de hoje que o mundo cabe na palma de nossas mãos e que, disparadamente, conteúdos mais dinâmicos, ilustrados e com recursos audiovisuais empolgantes obtêm consideravelmente a preferência dos stakeholders, prendendo a atenção dos mesmos, sejam estes seus clientes, parceiros comerciais, consumidores de sua marca, ou mesmo, seus próprios colaboradores.

Recente pesquisa feita pela realizada pela Social Base, ainda no final de 2016, na qual foram ouvidas mais de 200 empresas dos mais variados portes de todo o País, acaba de nos trazer uma série de visões importantes que apontam os rumos empreendidos por gestores da área de Comunicação Corporativa. Eles já sabem no que mais pretendem investir no presente ano: para cerca de 41% dos gestores entrevistados os investimentos em VÍDEOS para fins de comunicação interna deverão ser ampliados em 2017, tanto para falar sobre novos programas, quanto sobre cultura organizacional, segurança no trabalho, questões de compliance, entre tantos outros temas passíveis de abordagem.

Você já ouviu falar sobre Motion Graphics?

É uma vertente do design gráfico que mescla princípios de design e cinema. Esse recurso audiovisual é uma das maiores tendências da atualidade em todo o mundo. Conhecido por ser atrativo e eficaz, está presente em comerciais de TV, YouTube, vídeo clipes, cinema, shows, propagandas, vídeos explicativos, treinamentos, vinhetas animadas e muito mais! Além do objetivo mercadológico, é também uma forma de expressão artística e tem sido bastante utilizada pelos clientes de nossa agência em campanhas e ações que demandem um “call to action”,

Além de informarem, os vídeos em Motion Graphics são altamente engajadores, angariando seguidores diante de toda a diversidade de pessoas que geralmente integram o quadro funcional de uma organização. Ou seja, de fácil compreensão e com uma linguagem bem direta e próxima, eles são capazes de criar uma atmosfera ímpar, arrebatando corações!

Veja esse exemplo que acabamos de criar para a CHS, multinacional do ramo de agronegócios, nossa parceira, há mais de 3 anos, e que tinha como objetivo comunicar a implantação de um novo canal de comunicação corporativa, no qual colaboradores de todas as plantas poderão gravar e enviar pequenos vídeos (com até um minuto e meio de duração) para informar a todos os colegas sobre fatos e números de suas unidades.

Ora, se estamos pedindo para que todos os empregados gravem vídeos, nada melhor do que elaborar uma campanha de endomarketing calcada nesse tipo de recurso já desde o seu início. Concordam?

Móbiles de teto, folders, matérias da intranet até poderiam ajudar nessa divulgação, mas apenas como ações de cross media e não como peças centrais da estratégia, que funcionou maravilhosamente. “Em poucos dias, dezenas de colaboradores já começaram a aderir ao novo canal”, afirma Camila Costa, analista de RH & Comunicação da CHS para toda a América do Sul.

E você, já pensou em desenvolver esse tipo de projeto para sua empresa? Venha bater um papo conosco.

Temos boas ideias e orçamentos incríveis, que cabem em qualquer bolso!

 

Sobre o autor

Comentários:
Fazer um comentário
  1. Avatar
    Orlando do Valle

    Gostaria de receber os artigos por e-mail. Gratíssimo!

    Responder
Deixe um Comentário