Voltar para Cases

Webserie ‘Taliberta’ oferece conscientização sobre violência doméstica

Advogada, Camila Taliberti atuou por anos no atendimento e suporte de mulheres vítimas de violência doméstica. Pensando em dar seguimento à iniciativa, o ICLT realizou a Série Taliberta de Violência de Doméstica.

O Instituto Camila e Luiz Taliberti (ICLT) foi criado em 2019, em homenagem aos irmãos que dão nome à iniciativa e foram vítimas fatais do rompimento da barragem de Brumadinho, em 25 de janeiro de 2019.

  • Prêmio Jatobá

    Case Finalista 2020

Fundado por Helena Taliberti, mãe de Camila e Luiz, o instituto tem como objetivo perpetuar o legado dos dois filhos e atuar na defesa dos direitos humanos, no empoderamento de grupos vulneráveis e na proteção ao meio ambiente.

O nome da série é uma homenagem ao trocadilho criado pela própria Camila com o seu sobrenome e o movimento de libertação feminina que ela imprimia em seu trabalho, e o lançamento do projeto foi motivado pelos dados alarmantes do aumento dos índices de violência doméstica durante o isolamento social causado pela pandemia de Covid-19.

Em maio/20, quando a série foi idealizada, já se observava um crescimento de 22,2% no número de feminicídios no Brasil nos meses de março e abril.

  • Conscientização

    Conscientizar as mulheres sobre os sinais iniciais de relacionamentos abusivos;

  • Educação

    Esclarecer e explicar mecanismos de suporte para as vítimas;

  • Rede de Proteção

    Munir amigos e conhecidos de vítimas com informações sobre ajuda e, principalmente, acolhimento;

  • Combate às Fake News

    Fornecer conteúdo confiável sobre todas as etapas do ciclo de violência.

ESTRATÉGIA

Influenciadores Digitais e Formadores de Opinião

A jornalista e apresentadora Mariana Kotscho foi a convidada para mediar todos os encontros, por conta do seu ativismo e poder de influência e engajamento. A profissional atua em causas de direitos humanos e em grupos de acolhimento de violência doméstica nas redes sociais. As convidadas, formadoras de opinião em suas áreas de atuação, foram selecionadas também por conta de sua influência, envolvimento e engajamento na causa.

Conteúdo em Série

Dividir o conteúdo em séries tornou possível abordar diferentes perspectivas da violência doméstica, com convidadas envolvidas na causa e formadoras de opinião. A curadoria teve ainda a preocupação com a diversidade para escolha de entrevistadas, no que diz respeito à sua representatividade no cenário.

Conteúdo Multiplataforma

Para aumentar a abrangência e a audiência, o conteúdo foi veiculado no Facebook e Youtube. O material também foi convertido para um programa de podcast, hospedado na plataforma Spotify. E, está em desenvolvimento, um e-book com os principais dados e informações úteis sobre cada um dos encontros realizados.

Ações Táticas

Relacionamento com a Imprensa

Divulgação de releases e informativos sobre as ações do Instituto e a agenda da websérie.

Envolvimento da Rede de Influenciadores e Formadores de Opinião

Envio de artes para que este público ampliasse o compartilhamento de conteúdo na rede.

Foco no Digital e nas Redes Sociais

Divulgação nas redes sociais do ICLT por meio de conteúdo orgânico:

  • 19 posts – Facebook, Instagram e Twitter;
  • 23 stories;
  • compartilhamentos em grupos do WhatsApp.

Divulgação em Comunidades Digitais:

  • Mapeamento, inserção e diálogo em 23 grupos do Facebook sobre violência doméstica.

resultados

  • 3105 interações

  • 378 comentários

  • 2159 Likes/Reações

  • 2318 Views no Youtube

  • 7586 Views no Facebook

  • 508 Compartilhamentos

Fale com a gente

Nossos projetos inspiram pessoas e negócios a se moverem rumo ao futuro. Quer ser um cliente do Grupo Trama Reputale? Entre em contato com a gente!

  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.

Somos uma equipe de especialistas em construir engajamento e confiança, e estamos sempre procurando novas habilidades, desafios e oportunidades.

Cultura e Carreira

Deseja trabalhar conosco? Envie seu currículo!

  • Solte arquivos aqui ou
    Tipos de arquivo aceitos: pdf, Máx. tamanho do arquivo: 10 MB.
    • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.

    Se você é jornalista ou influenciador digital e precisa conversar com algum dos nossos clientes, temos o canal para isso.

    Conheça nossa sala de imprensa

    Ou então selecione diretamente a empresa desejada: