Drogaria São Paulo: case de Comunicação Interna

Objetivo

Trabalhar a Diversidade e a Inclusão

Historicamente, o povo brasileiro é formado por uma grande quantidade de etnias e origens, formando um grupo de pessoas com características distintas e diversificadas. Porém, o tema “diversidade” ainda é pouco priorizado nas discussões em âmbitos corporativos, em que, muitas vezes, trabalhar a inclusão é algo deixado em segundo plano.

Segundo uma pesquisa realizada pelo 4CO, existe um consenso de que o assunto é considerado relevante pelas empresas. Porém, estas não estão preparadas para lidar com o tema.

Entretanto, cada vez mais as empresas vão começar a perceber os benefícios de se investir em diversidade e que essa é uma forma de gerar mais valor como marca, aumentando assim a demanda por programas estruturados que promovam uma gestão de pessoas e cultura organizacional que valorize a Diversidade e a Inclusão.

Estratégia

icon-publico-alvo

Público-Alvo

Gestores e colaboradores de todas as áreas alocadas na sede da empresa em São Paulo

icon-planejamento

Planejamento

O Grupo Drogaria Pacheco São Paulo (DPSP) idealizou o Programa Faz Diferença. Através de três macro pilares, a iniciativa tem como objetivo aumentar os indicadores de engajamento ao tema, fomentando políticas de diversidade em seu escritório Matriz, nos Centros de Distribuição e nas Lojas.

icon-pesquisa

Consultoria

A Trama Comunicação, em parceria com a Consultoria Santa Causa, recebeu o desafio de realizar uma campanha de comunicação interna e ações de conscientização amplamente focadas em experiências para os colaboradores com vistas a fomentar discussões e a sensibilizar a todos no tocante à inclusão de Pessoas Com Deficiência (PCDs) no Grupo.

Desafios

Despertar para o protagonismo dos colaboradores quanto ao engajamento em políticas de diversidade dentro do Grupo DPSP. O verbo “fazer” denota ação de empreender, ou seja, tudo aquilo que o colaborador produz na esfera individual  irá impactar o negócio como um todo, sobretudo do ponto de vista de aderência à diversidade e aos programas de voluntariado.

Aqui, você faz TODA A DIFERENÇA

“Toda a diferença” dá a ideia de que, juntos, os colaboradores contribuem para algo significativo dentro da própria organização. Também passa a ideia de que cada individuo é ímpar, diferente, em sua própria constituição e que trabalhar sob esse prisma é algo natural, faz parte da essência do Grupo DPSP. Assim, cada ação individual contribui para um coletivo mais forte.

Execução

Programa Faz Diferença

A campanha foi trabalhada em 3 frentes:

LIDERANÇA – Toda mudança de cultura começa com o engajamento das lideranças. Por isso, instigamos a curiosidade desse público com o desafio de desvendar uma mensagem-convite em braile.

ENGAJAMENTO – Além das atividades organizadas pela empresa (palestras e workshops), em parceria com a Santa Causa, foi montado o Circuito Inclusivo, uma atividade composta por 5 desafios que colocaram os participantes a vivenciar situações comuns do dia a dia de um profissional com deficiência.

INFORMAÇÕES – A fim de contribuir para a mudança de comportamento por meio do conhecimento, foi desenvolvido conteúdo para 4 Pílulas de Informações, onde foram destacados os comportamentos e as atitudes desejáveis em relação ao tema diversidade/PCDs.

Circuito Atitude Inclusiva

Em parceria com a Santa Causa, foi desenvolvida a atividade central a ação: o Circuito Atitude Inclusiva. A atividade foi toda orientada por um monitor com deficiência que orientava sobre cada etapa do Circuito, onde um desafio diferente era proposto. A ideia era que todos vivenciassem na prática situações do cotidiano enfrentada por profissionais com deficiência, compreendendo melhor que com a acessibilidade e os recursos de tecnologia essas pessoas podem levar um vida plena e serem incluído na sociedade

Slogan: A sua atitude inclusiva pode fazer a diferença!

Circuito Atitude Inclusiva - 4 estações

Estação 1 – Limitação motora

Desafio: chegar na estação, utilizando cadeira de rodas, e transitar por espaços que dificultam a passagem da cadeira. Pegar textos dentro de pastas em estante de difícil acesso e se deslocar com eles até a estação seguinte (estação 2).

Estação 2 – Limitação Cognitiva

Desafio: avaliar textos (da estação 1) escritos com níveis de compreensão diferentes de uma mesma mensagem e tentar resumir os textos em uma frase.

Estação 3 – Deficiência visual

Desafio: enviar a frase elaborada na estação 2 por e-mail, utilizando um software leitor de tela (NVDA), sem o mouse, usando atalhos do teclado.

Estação 4 – Deficiência Auditiva

Desafio: compreender um vídeo apresentado em LIBRAS. Em seguida, o vídeo é exibido novamente com legenda em português. O vídeo revela o desafio de compreensão de texto da estação 2.

Peças de Comunicação

Para as lideranças, desenvolvemos um envelope com uma mensagem em Braille. A ideia aqui foi apresentar o “desafio” das pessoas com deficiência visual de viverem em um ambiente pouco inclusivo.

Peças de Comunicação

Para trabalhar o engajamento dos colaboradores, desenvolvemos banners, e-mails marketing e testeiras que foram colocadas no topo das telas de todos os computadores da empresa, trazendo a mensagem de que atitudes individuais impactam no coletivo e que isso sim faz a diferença no dia-a-dia da inclusão.

Peças de Comunicação

Visando promover a participação de todos no “Circuito Atitude Inclusiva”, desenvolvemos banners, displays de mesa e um brinde totalmente alinhados com o conceito da criação e estimulando experiências e sensações.

Resultados

No geral, o público interno se mostrou muito interessado e impactado pela atividade. A percepção dos participantes foi a de que o mundo seria muito diferente se mais pessoas passassem pela experiência de vivenciar o dia-a-dia de pessoas com deficiência. Outro ponto bastante interessante foi o entendimento de que a grande maioria das pessoas desconhecia recursos voltados ao trabalho para pessoas com deficiência (software leitor de tela, interpretação de Libras, Braille etc.), por isso, foram necessárias mais orientações do que as já previstas sobre essa estação no circuito.

5

dias da Semana da Diversidade

108

colaboradores participaram do "Circuito Atitude Inclusiva"

GOSTOU DO CASE? ENTRE EM CONTATO!

Font Resize